segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Lavando a alma...


Me calei quando mais deveria ter falado. Chorei. Ah, como eu chorei! Mas também fiz pessoas chorarem. Briguei... brinquei e me arrependi (algumas vezes). Guardei coisas bobas e deixei coisas importantes passar. Algumas vezes fui feliz, outras vezes triste. Me arrependi de coisas que disse, e disse coisas da qual não me arrependo mesmo. Xinguei, gritei e perdoei. Errei querendo acertar, e acertei quando achei que tinha errado. Acreditei no “para sempre”, “eu te amo”, “conte comigo”, e também fiz pessoas acreditarem. 
Prometi coisas que não cumpri, e cumpri coisas que nem ao menos prometi. Perdi e ganhei. Sorri e chorei. Me ergui e desabei. Cresci e, independente da opinião alheia, alheio ao que as demais pessoas julguem como certo...eu amadureci. Porque o tempo é tão eficaz sob todas as coisas, quanto impiedoso e isso fundamenta o descarte dos pré julgamentos de pessoas que "assistem" a minha vida, nem sempre tão próximas e boa parte destas sequer aprenderam a conduzir as suas próprias vidas mas, se apresentam pra ditar o que é ou não bom pra mim, o que é ou não certo em mim e por conta apontam o que e onde devo mudar.
SÓ LAMENTO POR TAL PRETENSÃO e ISSO JÁ NÃO ME AFETA MAIS! 
E então volto a perguntar: “E ai, 2011 valeu a pena?” 
Valeu, valeu sim... muito a pena!!!

Vem que vem 2012!!!
Aline Mazetto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários pertinentes, educados e respeitosos são sempre muito bem vindos!!!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.